Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Convenção Coletiva de Trabalho 2016/2017

Compartilhe:
blog-cct2017

A  jornada

Suamos a camisa e corremos atrás da garantia dos direitos de cada radialista do Rio de Janeiro. Depois de 5 rodadas de negociação com o sindicato patronal pela Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) 2016/2017, mais de mil e quinhentos profissionais aprovaram a proposta final em assembleias gerais que percorreram todo o estado!

Estivemos em Resende, Angra, Itaguaí, São Fidélis, Nova Friburgo, Teresópolis, Petrópolis, Três Rios, Paraíba do Sul, Valença, Barra do Piraí, Barra Mansa, Volta Redonda, Campos dos Goytacazes e em diversos bairros da cidade do Rio de Janeiro ouvindo você, radialista que se posicionou, debateu e votou. É somente com você que o sindicato tem força! Sindicato somos juntos, sindicato é você, e só a luta nos garante!

 

O resultado

Passados meses de uma intensa negociação, levamos a proposta final para 13 assembleias, realizadas de forma fixa e itinerante por mais de 18 cidades de todas as regiões do estado em apenas uma semana. Conseguimos 1.515 votos de radialistas que, por ampla maioria, aprovaram a atual CCT. A próxima corrida aguarda a nossa data base, 1º de outubro. Por hora, conquistamos (resumidamente) os seguintes direitos:

Piso Salarial

Capital   |     Televisão: R$ 1.622,97    |    Rádio: R$ 1.460,16
Interior |     Televisão: R$ 1.166,75     |    Rádio: R$1.090,80

Reajuste

8,0% para salários até R$ 3.000,00 (6,5% com retroativo de outubro + 1,5% em abril/2017)
7,5% para salários acima de R$ 3.000,00 (6,5% com retroativo de outubro + 1% em abril/2017)

Alimentação :

Mínimo de R$ 272,00

Funeral :

Reajuste de 6,5% com manutenção da Cláusula atual

Creche / Babá :

Reajuste de 6,5% com manutenção da Cláusula atual

Abono de faltas no mês :

Manutenção da Cláusula atual

Licença paternidade :

Além dos 5 dias (garantidos), 15 dias a mais para funcionários de emissoras cadastradas como “empresa cidadã”, conforme a lei 13.257.

Participação nos lucros / Abono : 42%

Deixe seu comentário:

Minuto² SinRad

Últimas noticias